sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Quando o amor vira doença

Às vezes, o amor vira doença.
Quando menos se vê.
Deixa de ser você.
Passa a ser o que o outro pensa.
Também se é possível irritar ou ofender.
Talvez seja louvável sua inoportuna presença.
Aproveita sua pequena oportunidade.
Porque a morte te invade
e logo, logo.
O amor abandona você.

Gustavo Moura Brasil


  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO